5 Exposições de Arte a visitar em Outubro

O que visitar em Outubro?

As novidades no mundo artístico multiplicam-se de tal forma que, à medida que damos conta, os eventos já aconteceram. Já tem planos para o próximo mês? Descobrir um novo espaço para visitar, parece simples, mas pode se transformar numa tarefa complicada. Para que possa aproveitar o outono da melhor forma, a P55 reuniu para si uma lista de cinco exposições de arte que aconteceram durante outubro. Espreite este guia e descubra a proposta perfeita para si.

 

Re_Act Contemporary 2021 -  I Have Been in Love for 8 Millions Years

Re_Act Contemporary é um espaço de laboratório de arte, sediado no Arquipélago dos Açores, que promove residências artísticas, na Ilha Terceira, com artistas de diferentes nacionalidades e áreas de expressão, cujos trabalhos têm integrado mostras conjuntas apresentadas no Museu de Angra do Heroísmo.

A edição da RE_ACT CONTEMPORARY 2021, que decorre pela primeira vez na Carmina Galeria de Arte Contemporânea Dimas Simas Lopes, tem como tema agregador I Have Been inLove for 8 Million Years, contando com a participação de Adrien Missika, Ingela Ihrman, Pedro Barateiro, Richard Healy, entre outros artistas- 

 

Almada Negreiros e o Mosteiro da Batalha quinze pinturas primitivas num retábulo imaginado em Lisboa

Esta patente na Capela do Fundador, no Mosteiro da Batalha a exposição Almada Negreiros e o Mosteiro da Batalha quinze pinturas primitivas num retábulo imaginado, que celebra uma ideia ousada e original do artista português.

As quinze obras que compõem o retábulo que Almada Negreiro imaginou incluem várias pinturas primitivas (dos séculos XV e XVI), nomeadamente os icónicos Painéis de S. Vicente. Nesta exposição, além da reconstituição em tamanho natural do retábulo que idealizou – uma instalação com mais de dez metros de altura – os trabalhos de Almada expostos na Capela testemunham o seu longo e intenso processo de pesquisa. Desenhos, cadernos de autor, e até maquetes tridimensionais realizadas por Almada, poderão ser vistas, muitas delas pela primeira vez. 

 

Almada Negreiros | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

 

BoCA – Biennial of Contemporary Arts

A BoCA – Biennial of Contemporary Arts é uma bienal de artes contemporâneas sediada em Lisboa. Dedica-se às linguagens artísticas transdisciplinares, contemplando artes visuais, artes cénicas, performance e música. Até dia 17 de outubro, entre Lisboa, Almada e Faro há diversos espetáculos, atividades e instalações a decorrer. Alguns dos artistas presentes são Mónica Calle, Anne Imhof, Grada Kilomba, Luís Lázaro Matos, Agnieszka Polska, entre outros.

 

Bienal da Maia

A Bienal de Arte Contemporânea da Maia 2021 contempla um vasto programa de eventos e atividades destinados a diversos públicos. Durante dois meses, Setembro e Outubro de 2021, a Bienal estará presente nos distintos espaços expositivos do Fórum da Maia, nos espaços exteriores circundantes, no jardim central e nas ruas da cidade.

 

Bienal da Maia | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

 

Serralves

No Museu de Arte Contemporânea de Serralves encontram-se patentes várias exposições de grandes artistas nacionais e internacionais. Em exibição há uma exposição de Louise Bourgeois dedicada ao trabalho de sete décadas, entre finais dos anos 1940 e 2010. Até 24 de outubro pode-se visitar a exposição de Jorge Molder no Museu, que reúne uma seleção de obras do artista feita a partir de um conjunto vasto existente no acervo de Serralves. 

Até dia 7 de novembro, encontra-se no Museu a mais completa exposição até à data de João Maria Gusmão e Pedro Paiva, abrangendo o seu trabalho em filme, fotografia, escultura e instalação realizado ao longo de quase duas décadas. No parque do Museu tem acesso ao programa Serralves em Luz e obras de Ai Weiwei, entre outros artistas.


Älterer Post Neuerer Post