Atividades para o Dia da Criança

O que fazer no Dia da Criança?

Esta é a pergunta que todos os pais fazem quando se aproxima este dia tão especial para os pequenos. Logo a seguir ao natal, este é o dia mais adorado pelas crianças, devido às atividades e celebrações feitas especialmente para eles. Para animar este dia criamos uma lista de atividades que pode realizar de forma a conviver e divertir-se com os seus filhos. 

1. Por as mãos à obra

As crianças gostam sempre de criar e construir objetos. Este é o momento de colocar as mãos à obra e criar. Pode descobrir o maravilhoso mundo dos trabalhos manuais desenvolvendo peças com barro e plasticina, criar objetos com reciclagem ou explorar a aguarela com ajuda do artigo da P55: como pintar em aguarela? Se os trabalhos manuais não forem o forte dos seus pequenos, pode sempre optar por ensinar uma receita de bolo, bolachas ou queques.  

2. Visitar um museu presencial ou virtualmente

Dar um passeio e visitar um museu ou uma galeria de arte perto de si pode ser o plano ideal para este dia. Se pretende ficar em casa, pode optar por uma visita virtual. Devido à realidade virtual e à fotografia, é possível percorrer as salas de mais de 500 emblemáticos museus, galerias, entre outros espaços culturais, com a aplicação Google Arts & Culture. Em Portugal, pode visitar Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), Museu Nacional de Arte Contemporânea – Museu do Chiado, Museu Coleção Berardo, Palácio Nacional da Ajuda, Museu Nacional dos Coches, Museu Nacional de Etnologia & Museu de Arte Popular, Panteão Nacional e Museu Nacional do Azulejo.

 

Paula Rego | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

Self-portrait in red de Paula Rego, 1962 - Museu Nacional de Arte Contemporânea - Museu do Chiado

3. Descobrir um novo filme ou série

Todos gostamos de ver um bom filme. Nesta lista há filmes e séries para todos os gostos e diversas décadas, desde do fantástico clássico de O Feiticeiro de Oz ao recente filme de animação Soul: Uma Aventura com a Alma, passando pelo entusiasmante programa do Bob Ross. Também pode colocar as mãos à obra com múltiplos episódios da série Art Attack que ensinam as crianças a criar os próprios objetos artísticos. 

1. O Feiticeiro de Oz de Victor Fleming (1939)
2. Furandāsu no inu / The Dog of Flanders de Nippon Animation (1975)
Filme | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

 

3. The Joy of Painting com Bob Ross (1983)
4. O Meu Vizinho Totoro de Hayao Miyazaki (1988)
Filme | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte
5. Art Attack de Neil Buchanan (1900-2007)
6. Toy Story da Pixar (1995)
7. Monstros S.A. da Pixar (2001)
8. A Noiva Cadáver de Tim Burton (2005) 
9. À Noite, no Museu (2006)
Filme |  | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte
10. Moonrise Kingdom de Wes Anderson (2012)
11. Matisse de Tom Geraedts 
12. Zootrópolis de Rich Moore e Byron Howard (2016)
13. Frida de Finger and Toe
14. Coco - Viva - A Vida É uma Festa de Adrian Molina e Lee Unkrich (2017)
15. Soul: Uma Aventura com Alma de Pete Docter e Kemp Powers (2020)

Filme |  | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

4. Ler

A leitura é uma oportunidade de aprender e de descansar o corpo enquanto exercita a mente. Existe uma variedade de opções, desde bandas desenhadas, a livros sobre arte como A vida não me assusta de Jean-Michel Basquiat e Maya Angelou, ou Como falar de arte com as crianças de Françoise Barbe-Gall, até aos clássicos, como o conto  Le Petit Prince (O Principezinho) de Antoine de Saint-Exupéry, Harry Potter de J. K. Rowling ou Uma Aventura das autoras Isabel Alçada e Ana Maria Magalhães. Há uma variedade de contos infantis que pode narrar como as clássicas histórias do patinho feio, pinóquio e cinderela. Se pretende ser criativo, escreva uma história para contar às suas crianças ou pedir-lhes para criarem a sua própria história. Seja qual for a opção, terá a oportunidade de usufruir tempo com os seus filhos de uma forma entusiasmante e dinâmica. 
Basquiat  | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

5. Tempo de jogar

As crianças adoram jogos! Apresente aos seus filhos os clássicos até aos mais recentes, de forma a desafiar as suas habilidades e fornecer-lhes um novo desafio. 

Jogos que só precisa de papel e caneta

Existem vários tipos de jogos simples que só precisam de papel e caneta. Exemplo disso é o jogo do stop que se baseia nas categorias decididas em conjunto, como por exemplo, “Nomes”, “Países”, “Marcas”, “Cidades”, “Animais”, “Objectos”. Para começar, um dos jogadores tem que pensar no abecedário e outro deve-o mandar parar, ao dizer stop. A primeira pessoa a preencher todas as categorias deverá dizer stop e de seguida todos os jogadores têm que referir as palavras colocadas em cada categoria. O objetivo é terminar todas as colunas o mais rápido possível e vence quem tiver mais campos completos. Também pode optar pelos clássicos jogo do galo ou da forca ou por quem é quem. Neste último precisará de post-it, para que todos os jogadores escrevam o nome de uma figura pública conhecida, como actores, músicos ou artistas. De seguida coloca-se o post-it na testa do jogador à sua direita e tenta-se adivinhar quem é a personagem com perguntas de resposta afirmativa ou negativa ao grupo. Vende o primeiro jogador a descobrir quem é a sua personagem. 

Jogo  | P55 Magazine | P55 - A Plataforma da Arte

Jogos de cartas

Os jogos de cartas são um das fontes de entretenimento ótimo para interagir com a família. Existem diversos tipos de jogos, dos mais difíceis aos mais fáceis, como uno, peixinho, sueca, copas, paciência, buraco, canasta, entre outros. 

Puzzles

Exercite o cérebro com um bom quebra-cabeças. Pode fazer um puzzle que já tenha em casa ou criar um personalizado para as suas crianças. Peça aos seus filhos para desenharem num pedaço de papelão resistente. Em seguida, use um lápis para delinear as peças do quebra-cabeças no desenho. Recorte as peças com uma boa tesoura, misture e por fim, jogue com os seus filhos.  

Caça ao tesouro

As crianças adoram encontrar objetos escondidos, principalmente se houver um prémio no final. Seja criativo, escreva pistas em papéis e escolha o prémio final. Coloque a primeira pista em um lugar fácil de encontrar, como na mesa de cabeceira. Em seguida, deixe quantas pistas quiser pela casa, fazendo um trilho até a pista final. Um jogo divertido que pode incluir toda a família.

Jogos de tabuleiro

Atualmente, existem diversos géneros de jogos de tabuleiro que incentivam a capacidade de memória e raciocínio lógico. Temos sempre os clássicos como as damas, xadrez e gamão até ao mais recentes como Monopoly, Trivial Pursuit e Scrabble. Seja qual for a opção, terá a oportunidade de usufruir tempo com os seus filhos de uma forma entusiasmante e dinâmica. 

 


Publicação Mais Antiga Publicação Mais Recente